Ep. 37 - O verbo Ficar

Ep. 37 - O verbo Ficar
00:00 / 06:55

Ouvir no SpotifyiTunes ou Google Podcasts, ou ver o vídeo no Youtube

Neste episódio aprendemos os 5 principais significados do verbo ficar!

TRANSCRIÇÃO:

Olá a todos e bem vindos de volta ao Portuguese With Leo!


Hoje voltamos às lições rápidas de português, algo que já não faço há 2 meses! Para a lição de português de hoje, vamos falar sobre um verbo muito usado em português e que é muito difícil de saber usar: o verbo ficar!


Antes de começar o episódio vou fazer os habituais agradecimentos às pessoas que ajudaram a tornar este podcast possível com doações de Paypal no passado mês de abril, que foram as seguintes:


Joanna Adamczyk, Antti Kuusmetso, Pia Pink, Tiziana Rapeto, Béatrice Arnoldi, Eduardo Muñoz, Alberto Alcalde, Eleftherios Atherinos, Fausto Bassan, Richard Wallman, Benny Friedman, Patrick Phillips, Scott Stephens, Alan Hinson, Steve Mongovin, Lisa Fridland, Taiguara de Almeida, Kay Pinto, Sandra Petschar, Heidi Heikkinen, Birgit Schwab, Teunis Van der Vorm, Corina Fuchs, Paul Bartels e Johanna Bosse; e os contribuidores recorrentes Naël Achkar, Larue Allen, Derek Smitt, Michael Dawson, Duke Taylor e Manuel Ríos, e também aqueles que preferiram manter-se anónimos.


Muito obrigado a todos pelas vossas contribuições e apoio! Sem vocês não conseguiria fazer isto a tempo inteiro!


Vamos falar então sobre o verbo ficar. Antes de aprendermos as diferentes situações em que se utiliza este verbo, vamos só rever rapidamente a sua conjugação no Presente do Indicativo, que é uma conjugação regular:


eu fico
tu ficas
ele/ela fica
nós ficamos
vocês/eles/elas ficam


Uma pequena nota: Tal como fiz em episódios anteriores sobre outros verbos, decidi omitir a conjugação da 2ª pessoa do plural, o vós. Faço isto porque o objetivo destas lições de gramática é ensinar o português de forma prática e o vós é muito pouco utilizado em Portugal, tendo sido substituído pelo vocês, que é muito mais comum.

 

Um dia farei um episódio dedicado inteiramente ao vós e à sua utilização (ou falta de utilização), mas por hoje fiquemo-nos pelo verbo ficar.

 

Então o que é que significa o verbo ficar? O verbo ficar tem 5 utilizações principais e a primeira refere-se à localização física ou geográfica de alguma coisa, e é equivalente a to be located em inglês.

 

Isto a aplica-se a coisas imóveis, ou seja, que não se conseguem mexer, como por exemplo salas, edifícios, ruas, e até países e cidades. Normalmente, nestas situações, utiliza-se a preposição “em” depois do verbo. Ficar em. Vamos ver alguns exemplos:

 

A farmácia fica no centro da cidade.

Lisboa fica em Portugal.

Portugal fica na Península Ibérica.

 

Também se usa muito em forma de pergunta, quando queremos saber a localização de alguma coisa:

 

Onde é que fica a casa de banho?

Onde é que fica o aeroporto?

 

A segunda utilização do verbo é muito parecida à primeira e serve para falar sobre permanência, ou seja, a localização temporária de uma coisa que normalmente é móvel, como por exemplo uma pessoa. Pode traduzir-se para inglês como to stay ou to remain. Por exemplo:

Quando visitei Lisboa, fiquei num Airbnb.

O Miguel ficou preso no trânsito.

A Joana ficou em casa.

 

A terceira situação em que utilizamos o verbo ficar é para falar de posse, no sentido de ter ou manter alguma coisa. É equivalente ao verbo inglês to keep.

 

Normalmente, nesta situação, utilizamos a preposição “com” depois do verbo ficar. Ficar com. Por exemplo:

 

O Tiago ficou com o meu telemóvel.

Toma, fica com isto.

Ou então, quando estamos numa loja: Fique com o troco.

 

A quarta situação em que utilizamos o verbo ficar é quando queremos falar de mudanças de estado. Estado de saúde, estado físico, estado psicológico, etc. Aqui a tradução para inglês pode ser to get ou to become. Por exemplo:

 

Fiz muito exercício e fiquei cansado.

Apanhei muito frio e fiquei constipado.

Fico sempre mais feliz quando faz bom tempo!

O Miguel ficou mais magro desde que começou a fazer dieta.

 

Finalmente, a quinta utilização do verbo ficar é um pouco mais específica: Usamos o verbo ficar quando queremos dizer como é que as roupas ou acessórios ou corte de cabelo de uma pessoa influenciam a sua aparência, normalmente de forma positiva ou negativa. Em inglês seria algo como when something looks good/bad on someone.

Aqui o verbo é usado de forma reflexiva, seguido da palavra “bem” ou “mal”. Por exemplo:

 

Essa camisa fica-te bem.

O novo corte de cabelo da Sara fica-lhe bem.

Os novos óculos do Pedro ficam-lhe mal.

 

Esta utilização do verbo ficar também pode ser feita sem o pronome reflexivo, normalmente quando aplicado a objetos. Por exemplo:

 

O quadro fica bem na parede.

O desenho ficou bonito.

 

Espero que tenham gostado de mais esta lição rápida de português. O verbo ficar é um verbo complicado e com muita nuance, mas espero que este episódio tenha ajudado a tornar mais claro quais é que são as suas utilizações principais.

 

Um abraço e até para a semana!

Voltar ao topo

Próximo episódio