Ep. 16 - O Natal em Portugal

Ep. 16 - O Natal em Portugal
00:00 / 08:17

Listen on Spotify, iTunes or Google Podcasts, or watch the video on Youtube

Tomorrow is Christmas Eve, so today's episode had to be about Christmas, its history and how it is celebrated in Portugal. Listen all the way through to learn how to wish a Merry Christmas in Portuguese!

Amanhã é Véspera de Natal, por isso o episódio de hoje tinha de ser sobre o Natal, a sua história e a forma como é festejado em Portugal. Ouçam até ao fim para aprenderem a desejar Feliz Natal em português!

TRANSCRIÇÃO / TRANSCRIPT:

Olá a todos e bem vindos de volta ao Portuguese With Leo!


Estamos naquela altura especial do ano, a altura do Natal, e por isso no episódio de hoje vou falar um pouco sobre a história e origens do Natal, sobre a forma como este é festejado em Portugal, e no final do episódio vou ensinar-vos algumas expressões natalícias para poderem desejar um feliz Natal em português.


No entanto, antes de passar ao episódio em si, quero só agradecer às pessoas que apoiaram o Portuguese With Leo com doações neste mês de dezembro, que foram as seguintes:


O Daniel Franke, o Jorma Larinkari, a Eveline Bronsveld, a Roseline Vandeneeckhoutte, o Thomas Koenig, o Marlon Varonen, a Dominique Meeroff, o Howard Heller, a Linda, a Sophie Majeau, a Vincenza Condello, a Larue Allen, o Ignacio Prado, o Hans Roderich e o Christopher MacAllister. Muito obrigado a todos vocês pela vossa generosidade e espírito natalício!


Afinal, o que é e de onde é que vem o Natal? O Natal é um feriado religioso cristão festejado no dia 25 de dezembro nos países católicos e no dia 7 de janeiro nos países eslavos e ortodoxos.


Eu vou concentrar-me no Natal tal como ele é festejado em Portugal, que é um país católico, por isso, no dia 25 de dezembro.


O Natal celebra o nascimento de Jesus Cristo, a figura central do Cristianismo, que nasceu há dois mil e vinte (2020) anos. No entanto, a data em que se celebra o Natal foi escolhida por corresponder a uma celebração pagã do tempo da Antiguidade em que se celebrava o nascimento do Deus Sol no solstício de inverno. A palavra pagã ou pagão é um adjetivo que significa alguém que não é monoteísta, ou seja, que não acredita num só Deus.


Na tradição católica, Jesus Cristo nasceu no dia 25 de dezembro numa manjedoura em Belém, na província da Judeia, filho da Virgem Maria e de José. Uma manjedoura é uma espécie de tabuleiro onde os animais da quinta comem, ou seja, as vacas, os bois, os cavalos, etc. Em inglês diz-se manger.


Após o nascimento de Jesus, os Três Reis Magos, Gaspar, Baltasar e Belchior, seguiram uma estrela que os levou até ao local onde Jesus tinha nascido. Os Reis Magos trouxeram 3 presentes para o Menino Jesus: ouro, incenso e mirra, e normalmente celebra-se este encontro entre os 3 Reis Magos e o Menino Jesus no dia 6 de janeiro, que é conhecido como Dia de Reis.


Então como é que se celebra o Natal em Portugal hoje em dia? Em primeiro lugar é preciso notar que há algumas diferenças na forma como o Natal é celebrado de região para região, mas no geral, o espírito natalício começa no início de dezembro, que é a altura em que as pessoas começam a montar a árvore de Natal nas suas casas e a decorar as suas casas com decorações natalícias.


Normalmente a árvore é enfeitada com bolas, fitas, luzes e uma estrela no topo, e algumas decorações típicas são a figura do Pai Natal, as renas e as típicas meias de Natal.


Para além das casas, também as ruas começam a ficar decoradas, e aqui em Lisboa é muito típico ir até ao centro para ver as luzes de Natal.


Outro elemento importante é o Presépio. O Presépio é a representação do nascimento de Jesus, conhecido em inglês como nativity scene.


Normalmente monta-se o presépio em todas as casas, e tanto pode ser uma representação muito elaborada do nascimento de Jesus, com o Menino Jesus, José e a Virgem Maria, os pastorinhos, os 3 Reis Magos, os anjos no céu e os animais da quinta, como pode ser uma representação muito simples apenas com os três elementos essenciais: Jesus, José e Maria, como é o caso do presépio que temos aqui na casa da minha mãe.


Ao longo do mês de dezembro vão-se comprando e colocando debaixo da árvore as prendas de Natal e na noite de dia 24 ou na manhã de dia 25 abrem-se as prendas todas. O dia 24 é conhecido como a Véspera de Natal e o dia 25 é conhecido como o Dia de Natal.


Normalmente estes dias são passados em família, tanto a família nuclear, ou seja, mãe, pai e irmãos, como a família alargada, ou seja primos, primas, tios, tias, avós e por aí além. Claro que este ano a coisa é um pouco diferente e a maior parte das pessoas vai passar o Natal apenas com a família nuclear e não com a família alargada.


Normalmente, o jantar mais importante é o do dia 24, ou seja, o da Véspera de Natal. Este jantar ou ceia chama-se Consoada e tipicamente come-se bacalhau, que é o prato mais típico de Portugal.


Para além do bacalhau na Consoada e de outros pratos típicos portugueses, os dias 24 e 25 de dezembro são recheados de todo o tipo de doces e comida deliciosa mas que não é a mais saudável, como por exemplo sonhos, rabanadas, filhoses, aletria, azevias, arroz doce, lampreia de ovos, chocolates e uma data de outros bolos.


Espero que tenham gostado deste episódio sobre a história do Natal e sobre a forma como é celebrado em Portugal! Para acabar, só falta aprender a desejar um feliz Natal em português.


Normalmente, quando desejamos um bom Natal a alguém, aproveitamos para desejar também um bom Ano Novo e a frase mais típica que se usa é: “Feliz Natal e um Próspero Ano Novo!”, que seria o equivalente a “Merry Christmas and a Happy New Year!”
No entanto, também se pode dizer simplesmente “Feliz Natal!”, “Bom Natal!” ou “Boas Festas!”. Por isso, um Feliz Natal para todos vocês e vemo-nos no dia 30, no último episódio do ano, que vai ser sobre o Ano Novo!

Back to top

Next episode